Ana Catarina Pinho  |  Fevereiro 2017

1/5

Bio

Ana Catarina Pinho, nasceu no Porto em 1983. Estudou Artes Plásticas na Escola Superior Artística do Porto, e Fotografia e Cinema Documental na ESMAE/IPP. Mostrou o seu trabalho no Kunstlerhaus Bethanian, Latvian Museum of Photography, Nordic House, Museu da Imagem, Colégio das Artes, Centro Cultural de Vila Flor, entre outros. Actualmente, frequenta o programa de Doutoramento em Estudos Fotográficos na Universidade de South Wales, com uma bolsa FCT. O seu trabalho tem sido publicado e exposto internacionalmente e, em paralelo com a sua prática artística, é a fundadora de uma plataforma de investigação em fotografia – Archivo – que coordena desde 2012. Trabalha entre Portugal e o Reino Unido.

 

Projecto

As ilhas oceânicas foram, desde a antiguidade, impregnadas de mitos e especulação que, ao longo da história, se associaram ao imaginário que delas temos. Ao longo da história e interacção humana com estes territórios insulares, existem relações de espaço e de poder que se desenvolvem de formas bastante particulares, tanto num sentido de construção como de produção.
Neste trabalho pretendo explorar o território insular e suas relações de espaço e poder, a partir de uma análise entre a construção do imaginário referente à ilha e as suas idiossincrasias, sob um ponto de vista social, geográfico e político.

© 2019 Pico do Refugio